terça-feira, 23 de outubro de 2012

Breve História do Moura A.C.


O Moura Atlético Clube é uma colectividade com escopo associativo ligado às várias áreas do Desporto, integrando em zona periférica e deprimida, as dificuldades acrescem à permanência e ao pundonor dos associados, dos adeptos e da comunidade que gradualmente tem dilatado a sua dimensão. É produto de gerações que anónima e apagadamente trabalham em prol de um ideal, sacrificando as próprias vidas, famílias e património pessoal. É o bem comum de todos os que se lhe têm dedicado e servido desinteressadamente de valores materiais.

O voluntariado, a formação, a persistência, o alfobre dos atletas que diariamente se mantêm em actividade, dão alimento vivo ao espírito desportivo como testemunho e símbolo do seu ideal, por todo o país vão definhando as vontades, mirrando os valores e desaparecendo colectividades, enquanto o Moura Atlético Clube ainda se mantém fiel às raízes e ao espírito dos seus fundadores.

Não há melhor testemunho para o desempenho positivo do Atlético ao longo da sua história mais recente do que a temporada de 2010/11, que acabou por ser de sonho a todos os níveis para o nosso querido clube, especialmente no patamar desportivo onde houve uma boa prestação, com natural destaque para a conquista do Campeonato Regional de Infantis e a subida de divisão do plantel sénior para Campeonato Nacional da II Divisão, Zona Sul.

Presentemente o Clube contribui para a actividade e formação de aproximadamente 400 atletas amadores, o que acaba por ser um número bem eloquente, especialmente se tivermos em conta que estamos inseridos num concelho envelhecido, vítima do abandono e da desertificação.

O futebol, em Moura, surge em 1912, aparecendo o primeiro clube a sério em 1922, com o nome de "Moura Futebol Clube". No mesmo ano aparece o "Sport 9 de Abril" e um ano mais tarde são criados mais dois clubes designados de "5 de Outubro Futebol Clube" e "Luso Sport Clube". O crescente interesse pelo futebol na localidade de Moura, levou à criação da Federação de Futebol Mourense em 1924, para dirigir e organizar os jogos locais, antecipando-se inclusivamente à própria Associação de Futebol de Beja, que apenas seria criada em 1925.

Em 1933, surge o Sport Lisboa e Moura, filial do Benfica e, logo em seguida o Sporting Clube Mourense, clube filiado no Sporting.

Com o propósito de aglutinar e reforçar o entusiasmo pelo futebol, no dia 17 de Janeiro de 1942 é fundado o Moura Atlético Clube.

Este foi o nome encontrado para ser o legítimo representante do desporto, em Moura. As cores escolhidas para os equipamentos e símbolos foram as da terra, ou seja, o amarelo e o preto, tendo o emblema como base o castelo.

Em 1949, o clube passa a disputar a II Divisão Nacional, com brilhantismo e passou a sofrer as crises típicas e comuns a clubes regionais, de que se salientam as dos anos 1955, 1965, 1976, 1979 e 1984. O clube sagra-se campeão distrital de futebol, nas épocas de 1946/47, 1958/59, 1965/66, 1969/70, 1972/73, 1974/75, 1984/85 e 2002/03, contabilizando o Moura Atlético Clube, vários campeonatos distritais nos escalões mais jovens.

No capítulo da formação, o Moura Atlético Clube mantém uma efectiva exigência no âmbito social e cívico, com a prestação de provas, nos domínios da cultura geral e de comportamento, visando a componente da formação humana, tendo-lhe sido conferido o estatuto de pessoa colectiva de utilidade pública, pelo Primeiro Ministro, em 25 de Agosto de 1977 (DE. II Série, Nº 190, de 9 de Agosto).

O clube dispõe, nesta altura, para além do futebol, de uma secção de Andebol e Atletismo, contando na sua globalidade com cerca de 300 atletas, praticantes efectivos das várias modalidades, aumentando o seu prestígio, que se confunde com o da terra, que representa parte de um Distrito esquecido e martirizado, mas que resiste, saudavelmente, a valores e princípios imutáveis e dignos.


Enviar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos ...